sábado, outubro 04, 2014

EQUILÍBRIO-bem estar-mente

EQUILÍBRIO


Tudo no universo segue leis naturais que visam manter o equilíbrio.

Se colocarmos peso demais na borda da cadeira ela irá virar e cair.

Se agredirmos o nosso meio ambiente de modo irracional a própria natureza se encarregará de gerar uma reação.

O físico inglês Isaac Newton já equacionou este mecanismo através da lei de ação e reação.

Tudo em busca do equilíbrio.
 



Da mesma maneira os nossos atos, sentimentos e pensamentos geram repercussões no universo.

Pessoas impacientes e apressadas, com grande dificuldade para respeitar o ritmo natural de certos eventos, irão gerar uma reação.

Esta reação visa criar condições para a mudança destas ações, sentimentos e pensamentos:

Estas pessoas irão enfrentar situações em que a paciência será requerida, como maneira de oportunizar uma mudança necessária.



Caso esta mudança não ocorra, o que é bem provável, as situações de atraso e espera se repetirão até que o equilíbrio aconteça.

Isto pode levar mais ou menos tempo, dependendo da capacidade e disposição individuais para a mudança.
 

Infelizmente o que se observa é uma grande lentidão nas mudanças internas das pessoas.


 
Padrões de comportamento arraigados lutam para manter-se mesmo que seja ao custo de um alto preço.

Muitas famílias são desfeitas pela dificuldade de se controlar a raiva e a irritação que acabam gerando agressões verbais ou físicas com danos importantes para as relações.


E situações geradoras de raiva continuarão a aparecer até que o equilíbrio emocional retorne.

É grande o uso de medicamentos antidepressivos na luta contra a melancolia e a tristeza sem que a cura seja alcançada.

O tratamento paliativo é importante, mas não podemos esquecer que combater a causa é fundamental.

A causa se encontra no padrão crônico de resposta melancólica a eventos que continuarão se sucedendo até a mudança acontecer.


A resolução de nossos sofrimentos não virá de uma droga mágica nem de uma mudança súbita de comportamento.


Reformar-se é um processo necessário e que requer esforço e determinação constantes.
 

É importante observarmos os nossos pensamentos e sentimentos na busca do auto-aperfeiçoamento, para que possamos olhar para trás e dizer como mudamos.

E para melhor.