Pular para o conteúdo principal

meditar-concentrar- relaxar- meditação-vida.

Aprenda a meditar para relaxar!

aprende-a-meditar-para-relaxar







Sua mente é tão tagarela, barulhenta e agitada que você sente dificuldade em se concentrar, tomar decisões, e ver com clareza os xis das questões? O sentimento é de ansiedadeangústiafrustração e tensão?  O melhor que você consegue fazer é ser “bombeira” e viver “apagando incêndio”?
Sim? Então a meditação pode ser a grande amiga que está faltando na sua vida para deixa-la mais plena, consciente e relaxada. Vamos nessa?

O que a meditação pode fazer por você

Se “o essencial é invisível aos olhos”, podemos dizer que também é imperceptível a uma mente congestionada, que está à deriva, passiva e aberta a todo tipo de interferência.
meditação nos aproxima da nossa própria essência, expande a consciência, disponibiliza os recursos que a nossa mente oferece. No mínimo nos dá opção de direcionar o foco, ficarmos mais relaxados, confiantes, concentrados e saudáveis.
Meditar é como viajar para um lugar que você ama, se sente segura e plena. Nele você recarrega sua energia vital, e o melhor é que esse lugar está sempre ao seu alcance. Não é o máximo?

Como meditar para relaxar

Escolha um lugar silencioso e agradável. Sente-se de maneira confortável, costas retas, braços relaxados com as mãos apoiadas, olhos fechados, um leve sorriso no rosto e maxilar relaxado (dentes separados).
Vamos aprender a silenciar nossa mente tagarela nos concentrando na respiração: inspire pelo nariz e expire pela boca lentamente. Concentre-se nesse fluxo vital, depois mantenha o ritmo e faça mentalmente uma contagem regressiva de 10 a 0, visualizando os números. Chegando no zero imagine-se em algum lugar que lhe transmita paz e tranquilidade. Nesse ponto apenas se permita estar lá, contemplando sem pensar em nada.
Fique o tempo proposto (programe um toque sonoro suave) ou fique o tempo que for agradável. É normal a nossa mente insistir em distrações, não se preocupe, apenas dê o comando “agora não!” e volte ao ponto. Não desanime… Apenas continue. Encerre dando o comando “agora estou voltando me sentindo renovada (veja o que melhor traduz seu sentimento)” e aos poucos abra os olhos e volte os movimentos.
Comece com sessões curtas de 5 a 10 minutos e vá aumentando aos poucos. Há quem garanta que 1 minuto de meditação nos momentos de estresse consegue mudar consideravelmente nosso estado mental. Lembre-se que a constância é mais importante que a duração.

A meditação diária já faz parte da sua rotina? Compartilhe com a gente como essa prática afeta sua vida. Se você se sentiu motivada a começar, nos conte também!


Postagens mais visitadas deste blog

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS-





























































atores (delícias!)

CELEBRIDADES
Descamisados: atores (delícias!) tiram a camisa em nome de seus personagens no cinema
Rodrigo Santoro Claro que não poderia faltar uma beleza nacional, pois não só de tanquinhos gringos é feito o cinema. Rodrigo encantou a mulherada (e Cameron Diaz) no filme "As Panteras Detonando".

Kellan Lutz
Ele é mais que um rostinho bonito. É também um corpaço lindo. Essa outra delícia da saga "Crepúsculo" tira a camisa em cenas do longa épico "Imortais". E aguardem que vem mais por ai! Em 2014 ele será a estrela de "Hércules".











Justin Timberlake Com mais fama de bom moço do que de gostosão, no filme "Amizade Colorida" Justin mostra que pode arrancar mais que boas risadas de Mila Kunis. Com o torso bem definido, a gente não duvida!
















poemas-frases-pensamentos-Síndrome do Pânico

poemas-frases-pensamentos
Síndrome do Pânico

Vamos, não chores.
A infância está perdida.
A mocidade está perdida.
Mas a vida não se perdeu.

O primeiro amor passou.
O segundo amor passou.
O terceiro amor passou.
Mas o coração continua.

Perdeste o melhor amigo.
Não tentaste qualquer viagem.
Não possuis carro, navio, terra.
Mas tens um cão.

Algumas palavras duras,
em voz mansa, te golpearam.
Nunca, nunca cicatrizam.
Mas, e o humor?

A injustiça não se resolve.
À sombra do mundo errado
murmuraste um protesto tímido.
Mas virão outros.

Tudo somado, devias
precipitar-te, de vez, nas águas.
Estás nu na areia, no vento...
Dorme, meu filho.

Carlos Drummond de Andrade

(Via Geraldo Magno)