Pular para o conteúdo principal

inveja um impulso positivo-Bem-Estar-minha vida



Veja como fazer da inveja um impulso positivo

Desejar o sucesso que o outro tem, sem querer o mal, pode te ajudar a planejar-se para conquistar seus objetivos

Sentir inveja é normal? O que é inveja? O sentimento de inveja é negativo, pois é caracterizado por uma tristeza (leve ou profunda) com relação ao que o que outro tem (coisas matérias, profissionais, amorosas, qualidades e habilidades pessoais, etc) e ao que eu não tenho. Inveja é um sentimento de frustração que leva muitas pessoas a experimentarem o gosto amargo da infelicidade ao querer ter algo que não se possui no momento presente. 
Na tradição católica, a inveja é sentimento muito negativo e considerado um dos sete pecados capitais. Isso ocorre porque a inveja é uma emoção carregada de comparações ruins e limitantes. Quanto mais se desejar ser e ter o que não se é e tem, maior a possibilidade de dor e angustia por não ser capaz de usufruir o que se tem. Quem não é capaz de dar valor ao que se conquistou e todas as batalhas que já se venceu pode sofrer muito com isso. 
Como tentativa de cura dessa sensação ruim, o movimento interno da pessoa é querer ter exatamente o que o outro tem. De forma saudável, essa pessoa pode criar metas e planejamentos para em breve alcançar o sucesso desejado. Essa ação é dita por muitos como sendo "inveja branca", "inveja boa", quando alguém quer o que o outro tem tem, sem querer o mal dessa pessoa e sem sofrer por não ter, sendo capaz de planejar, organiza-se para ter num futuro próximo ou distante aquele mesmo gostinho de sucesso. E assim, a pessoa consegue ser feliz hoje com o que tem e sonhar com o que pode vir a ter. 
Somos capazes de olhar o sucesso pessoal de alguém e buscarmos também o melhor para nós mesmos. Por exemplo, se um amigo começa a praticar um determinado esporte, uma academia para cuidar da saúde física e mental, segui-lo nesse caminho, pode ser algo bom e não necessariamente carregado de tristeza e mal estar. 
De forma negativa, a pessoa não sai do lugar e sofre por não ter o que deseja. Com isso, não é capaz nem de aproveitar o que tem, nem de correr atrás do que deseja. Por isso, para algumas pessoas, sentir inveja é sinônimo de inércia e muito sofrimento. Esse mal estar todo pode até mesmo levar a uma baixa autoestima
Quem olha para o outro e vê um aspecto de sucesso isolado do contexto geral da vida, pode achar que as pessoas a sua volta tem uma vida mais fácil, são mais sortudas e felizes. Descontextualizar o sucesso de uma pessoa pode ser algo terrível para mente humana. "A grama do vizinho é sempre mais verde" e isso leva a sentimentos ruins e de pouca racionalidade. 
Quando a dor é grande e leva a pessoa a sair do caminho de motivação, ação e realização pessoal pode ser indicado um tratamento psicoterápico. Técnicas de programação neurolinguística, hipnose e coaching de vida podem ser úteis para lidar com esses sentimentos e também para criar novas opções de sentimento e comportamento. Ser capaz de planejar e de alcançar o sucesso é delicioso. 

Postagens mais visitadas deste blog

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS-





























































atores (delícias!)

CELEBRIDADES
Descamisados: atores (delícias!) tiram a camisa em nome de seus personagens no cinema
Rodrigo Santoro Claro que não poderia faltar uma beleza nacional, pois não só de tanquinhos gringos é feito o cinema. Rodrigo encantou a mulherada (e Cameron Diaz) no filme "As Panteras Detonando".

Kellan Lutz
Ele é mais que um rostinho bonito. É também um corpaço lindo. Essa outra delícia da saga "Crepúsculo" tira a camisa em cenas do longa épico "Imortais". E aguardem que vem mais por ai! Em 2014 ele será a estrela de "Hércules".











Justin Timberlake Com mais fama de bom moço do que de gostosão, no filme "Amizade Colorida" Justin mostra que pode arrancar mais que boas risadas de Mila Kunis. Com o torso bem definido, a gente não duvida!
















poemas-frases-pensamentos-Síndrome do Pânico

poemas-frases-pensamentos
Síndrome do Pânico

Vamos, não chores.
A infância está perdida.
A mocidade está perdida.
Mas a vida não se perdeu.

O primeiro amor passou.
O segundo amor passou.
O terceiro amor passou.
Mas o coração continua.

Perdeste o melhor amigo.
Não tentaste qualquer viagem.
Não possuis carro, navio, terra.
Mas tens um cão.

Algumas palavras duras,
em voz mansa, te golpearam.
Nunca, nunca cicatrizam.
Mas, e o humor?

A injustiça não se resolve.
À sombra do mundo errado
murmuraste um protesto tímido.
Mas virão outros.

Tudo somado, devias
precipitar-te, de vez, nas águas.
Estás nu na areia, no vento...
Dorme, meu filho.

Carlos Drummond de Andrade

(Via Geraldo Magno)