Pular para o conteúdo principal

organização

 Casa › Organização

Dicas de para deixar a casa mais prática

Conheça algumas ideias que vão deixar seu dia a dia mais prático em casa

Closet
Dicas de organziação para deixar a sua casa mais prática
Foto: Dreamstime
Com ideias simples e espertas a organização da sua casa pode ficar mais prática e gostosa. Confira soluções preciosas que não vão tomar muito do seu tempo.

· Analise cada ambiente da casa. Separe o que está fora de uso e pode ser doado. "Isso ajuda a liberar a área", recomenda Kelley Lara, especializada em organização.

· Disponha em cada ambiente acessórios organizadores, como caixas de brinquedos, porta-trecos e aramados, que favoreçam separar objetos e outros itens por categoria e guardar tudo com praticidade. Também é importante recolher o que está espalhado. "Uma boa ideia é reservar um cesto para acomodar coisas soltas. No fim do dia, coloque-as no lugar", ensina a personal organizem Camila Paiva.

· Uma boa arrumação implica guardar as coisas de forma inteligente. "Não adianta colocar o aparelho de jantar no lugar mais acessível do guarda-louças se o conjunto é usado apenas em ocasiões especiais. A regra é deixar à mão o que é utilizado com frequência", afirma Camila Paiva.

· Planeje um esquema de administração doméstica, distribuindo tarefas predeterminadas a cada dia da semana. E convoque todo mundo para entrar no espírito: você, sua família e a empregada, se houver. Ela precisa receber orientações claras sobre o que fazer - e como - para que tudo saia a contento.

· Na cozinha, reúna todos os potes e tampas espalhados pelos armários. Se tiver filhos, inclua as crianças na arrumação pedindo que encontrem a tampa de cada pote. Tampa sem pote? Lixo reciclável. Pote sem tampa? Pode ir para o lixo reciclável também ou ser usado para guardar pequenos itens dentro do armário.

· Os talheres e as louças do dia a dia devem estar sempre à mão, de preferência próximos do local onde são feitas as refeições, de forma a facilitar o manuseio.

· Quem costuma comprar muita roupa deve fazer uma revisão no armário a cada seis meses. "O que não foi usado nos dois últimos anos dificilmente sairá do cabide. Então, doe", recomenda Camila Paiva, personal organizer. Com os cabideiros mais livres, organize as peças por cor e tipo (das mais leves às mais pesadas) ou separe as roupas de inverno das de verão. "Se o espaço é reduzido, durante o inverno acomode as peças de verão em locais menos acessíveis e vice-versa", afirma Kelley Lara.

· Em relação aos jogos de cama, mesa e banho, a melhor maneira de evitar que se misturem (e depois perder um tempão procurando) é manter as peças do mesmo conjunto dobradas em formato de pacote.

Postagens mais visitadas deste blog

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS-





























































atores (delícias!)

CELEBRIDADES
Descamisados: atores (delícias!) tiram a camisa em nome de seus personagens no cinema
Rodrigo Santoro Claro que não poderia faltar uma beleza nacional, pois não só de tanquinhos gringos é feito o cinema. Rodrigo encantou a mulherada (e Cameron Diaz) no filme "As Panteras Detonando".

Kellan Lutz
Ele é mais que um rostinho bonito. É também um corpaço lindo. Essa outra delícia da saga "Crepúsculo" tira a camisa em cenas do longa épico "Imortais". E aguardem que vem mais por ai! Em 2014 ele será a estrela de "Hércules".











Justin Timberlake Com mais fama de bom moço do que de gostosão, no filme "Amizade Colorida" Justin mostra que pode arrancar mais que boas risadas de Mila Kunis. Com o torso bem definido, a gente não duvida!
















poemas-frases-pensamentos-Síndrome do Pânico

poemas-frases-pensamentos
Síndrome do Pânico

Vamos, não chores.
A infância está perdida.
A mocidade está perdida.
Mas a vida não se perdeu.

O primeiro amor passou.
O segundo amor passou.
O terceiro amor passou.
Mas o coração continua.

Perdeste o melhor amigo.
Não tentaste qualquer viagem.
Não possuis carro, navio, terra.
Mas tens um cão.

Algumas palavras duras,
em voz mansa, te golpearam.
Nunca, nunca cicatrizam.
Mas, e o humor?

A injustiça não se resolve.
À sombra do mundo errado
murmuraste um protesto tímido.
Mas virão outros.

Tudo somado, devias
precipitar-te, de vez, nas águas.
Estás nu na areia, no vento...
Dorme, meu filho.

Carlos Drummond de Andrade

(Via Geraldo Magno)