Pular para o conteúdo principal

EXERCICIOS

Treino Power: 8 dicas para inserir exercícios na sua rotina e conquistar um corpaço

Inclua exercícios na sua rotina para gastar mais calorias, obter benefícios maiores e entrar em forma 


treino-power-saude-fitness
(
 Foto: Marcelo Correa
1. Adote o TRX
Em uma extremidade, duas faixas de náilon se unem. Na outra, há duas manoplas para encaixar mãos ou pés. Esse aparelho pode ser fixado a uma barra, na academia, ou mesmo a uma porta, em casa. Com ele, dá para exercitar membros superiores e inferiores e até fazer alguns treinos em suspensão. o benefícIo “Provoca a instabilidade do corpo, o que exige mais força e equilíbrio e maior contração do abdome para a realização dos exercícios. Assim, a atividade se intensifica e você aciona mais grupos musculares”, diz o educador físico José Rubens D’Elia, de São Paulo.
2. Malhe no frio
Flavio Settanni, proprietário da academia Settcoaching, em São Paulo, criou uma aula de bike feita em uma sala resfriada a 17 graus. Enquanto pedalam, os alunos ainda usam no pescoço bolsas de gelo. o benefícIo Cientistas do Instituto Universitário de Cardiologia e Pneumologia de Quebec, no Canadá, descobriram que o frio ajuda a dobrar o gasto calórico durante o exercício por ativar a chamada gordura marrom, que acelera o metabolismo (leia mais na reportagem “Gordura da boa”). “No caso da bicicleta, a queima de calorias pode ser até 300% maior do que no treino em temperatura normal”, garante Flavio.
3. Use a cama elástica
Além de realizar as aulas específicas no equipamento, que queimam muitas calorias, vale incluí-lo na sessão de musculação. “A marcha no lugar é fácil e trabalha pernas e glúteos. Pode substituir a esteira”, sugere o educador físico D’Elia. o benefício O exercício feito na cama elástica conta com a força contrária da resistência da lona, que potencializa a atividade. Isso porque você terá de fazer muito mais força e recrutar mais músculos para realizar qualquer movimento. Por exemplo, pular na cama elástica queima a cada meia hora até 40 calorias a mais do que caminhar na esteira.
4. Mexa-se nos intervalos
Vale pular corda, correr ou pedalar por um minuto em ritmo intenso. A ideia é que, em vez de descansar entre as séries de musculação, você continue mexendo o corpo. o benefício Segundo Flavio Settanni, a tática permite incrementar a queima calórica em 50% em relação à musculação tradicional. “Esse tipo de treino, conhecido como pausa ativa, eleva o batimento cardíaco, melhorando a capacidade cardiorrespiratória, e também promove a eliminação mais rápida de gordura.”

Postagens mais visitadas deste blog

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS-





























































atores (delícias!)

CELEBRIDADES
Descamisados: atores (delícias!) tiram a camisa em nome de seus personagens no cinema
Rodrigo Santoro Claro que não poderia faltar uma beleza nacional, pois não só de tanquinhos gringos é feito o cinema. Rodrigo encantou a mulherada (e Cameron Diaz) no filme "As Panteras Detonando".

Kellan Lutz
Ele é mais que um rostinho bonito. É também um corpaço lindo. Essa outra delícia da saga "Crepúsculo" tira a camisa em cenas do longa épico "Imortais". E aguardem que vem mais por ai! Em 2014 ele será a estrela de "Hércules".











Justin Timberlake Com mais fama de bom moço do que de gostosão, no filme "Amizade Colorida" Justin mostra que pode arrancar mais que boas risadas de Mila Kunis. Com o torso bem definido, a gente não duvida!
















poemas-frases-pensamentos-Síndrome do Pânico

poemas-frases-pensamentos
Síndrome do Pânico

Vamos, não chores.
A infância está perdida.
A mocidade está perdida.
Mas a vida não se perdeu.

O primeiro amor passou.
O segundo amor passou.
O terceiro amor passou.
Mas o coração continua.

Perdeste o melhor amigo.
Não tentaste qualquer viagem.
Não possuis carro, navio, terra.
Mas tens um cão.

Algumas palavras duras,
em voz mansa, te golpearam.
Nunca, nunca cicatrizam.
Mas, e o humor?

A injustiça não se resolve.
À sombra do mundo errado
murmuraste um protesto tímido.
Mas virão outros.

Tudo somado, devias
precipitar-te, de vez, nas águas.
Estás nu na areia, no vento...
Dorme, meu filho.

Carlos Drummond de Andrade

(Via Geraldo Magno)