terça-feira, julho 02, 2013

diabete

saúde
~~


Dr. Alfredo Halpern

Médico endocrinologista do Hospital das Clínicas de São Paulo, é autor do livro A Nova Dieta dos Pontos, lançado por SAÚDE~






  1. Ainda existe a crença de que, ao desenvolver a doença, esse indivíduo está condenado a sofrer privações eternas, além de viver sob grande risco de ficar refém de problemas nos olhos, rins, nervos, no coração, nas pernas e assim por diante. Pois acreditem: esse panorama está mudando bastante. Com a compreensão de que o diabético - ao assumir as rédeas do peso, das taxas de açúcar no sangue, da pressão e dos níveis de colesterol e triglicérides - pode levar uma vida normal, cada vez mais vejo pacientes que, ironicamente, ao se descobrirem com o problema, tornaram seu dia a dia saudável. É importante dizer também que o controle da glicemia tende a se tornar mais eficiente e acessível com novos remédios, métodos de mensuração com fitas, seringas e agulhas de insulina - para quem precisa delas, é claro. Ou seja, facilitou-se o cotidiano do diabético. Em suma, ter diabete não significa viver menos e pior. Basta se cuidar!