sábado, julho 27, 2013

TROQUE A DOR PELO EQUILÍBRIO

Ferramentas como escrita e visualizações ajudam nos momentos de crise
Página anteriorPágina 2 de 5
 

ESCREVA UM DIÁRIO

Pouca gente sabe, mas o hábito de escrever um diário - muitas vezes cultivado durante a adolescência ? pode ser uma maneira eficaz de entrar em contato com as emoções e se conhecer melhor. Psicólogos afirmam que colocar os sentimentos no papel também contribui para superar momentos difíceis, resolver desentendimentos com pessoas queridas e, principalmente, entrar em contato com a dor.
A partir do momento que a pessoa registra angústias, fatos, pensamentos e sofrimentos por meio da escrita, ela acaba buscando palavras que deem significado ao momento que vive. Isso ajuda a reestruturar algum acontecimento e entender quais sentimentos estavam envolvidos na ocasião. Saber descrever essas situações pode ajudar a superar desafios e a encontrar uma importante via para o crescimento pessoal.
Se você ainda não sabe como começar a escrever um diário, basta ter em mente que, mais do que contar uma história, é importante colocar no papel os aprendizados que determinada situação trouxe. No começo, pode ser que sinta dificuldade de expressar adequadamente os sentimentos e os fatos guardados na memória. No entanto, a prática permite que gradualmente trechos desconexos ganhem significado e as palavras sinalizem importantes caminhos a serem seguidos. Uma boa dica é começar a escrever sobre as experiências que tiveram relevância emocional e lições consistentes. Depois disso você poderá descobrir que caneta e papel representam a forma mais simples de entrar em contato com você mesmo.