quarta-feira, julho 10, 2013

auto ajuda

Auto ajuda- Reflita

Dentro de cada um de nós existem muitas coisas entulhadas. Guardamos tudo aquilo que vamos acumulando ao longo da vida. Existem as boas lembranças, os bons momentos e todas as situações que vivemos. O que me preocupa é o entulho de estragos e coisas negativas que levamos em nossa dia-a-dia. Nós ignoramos o peso que isto acarreta em nossa vida diária e não procuramos jogar fora estes entulhos. Simplesmente escondemos ou disfarçamos que eles não existem e relativizamos a ação deles em nós . Sem nem um aviso prévio estes acúmulos começam a reagir em nossa vida disfarçados de mal humor, insônia, dores de cabeça, enxaqueca, tristeza, calafrios, dores estomacais,frieza, indiferença, grosseria e tantos outros males físicos ou psíquicos. O melhor é tratar o mal pela raiz. Queremos cuidar de nossa saúde apenas com remédios e paliativos, mas na verdade o entulho continua agindo dentro de nós . Esvazie o seu coração de todo lixo que existe dentro dele. Não alimente a "vingança mental", na qual se torce para mal êxito a quem te fez o mal e vibra com os insucessos de quem não goste de você. Tão importante quanto lavar o corpo pelo banho é necessário a purificação dos sentidos pela meditação, pela prece, pela partilha e decisão interior. Se não podemos esquecer as coisas sofridas e tudo aquilo que machucou nossa história, nós podemos purificar e renovar nossos sentimentos e sermos decididos a não viver ao peso de magoas e ressentimentos. Querer bem a sim mesmo, começa pelo cuidado com nosso próprio interior. ( by Roger Araujo)