quinta-feira, junho 27, 2013

    Supere seus vícios!

    Alguns alimentos despertam desejos incontroláveis. Entenda por que e aprenda a resistir



    Café

    Em doses moderadas, a cafeína até reduz a dor de cabeça e melhora o raciocínio. Em excesso, gera nervosismo, taquicardia, insônia, agrava a gastrite e leva à dependência química. Limite saudável: 3 xícaras (250 mg de cafeína) por dia


    Gordura

    Sabe aquela história do impossível comer um só? Ela é científica. Os alimentos gordurosos provocam menor distensão das paredes do estômago, o que adia a sensação de saciedade - e aí você fica tentada a comer mais. Para algumas pessoas, que têm o paladar aguçado para gorduras, parar é ainda mais difícil. Limite saudável: 30% do cardápio deve conter gorduras magras (leite desnatado, carne branca...). Frituras, só uma vez por semana! 




    Chocolate

    O chocolate estimula a produção de serotonina, que causa sensação de bem-estar. Por outro lado, quase todos os chocolates contêm grandes quantidades de açúcar e gordura - exagerar é ganho de peso na certa. Limite saudável: 30 g por dia, de preferência do tipo meio amargo





    Comece hoje

    Não minta para si mesma dizendo "Esta é a última vez", para justificar o descontrole. Mude sua rotina alimentar o quanto antes. Vai doer menos do que pode parecer. 


    Silencie a mente

    Cuide de sua saúde emocional. Vícios e compulsões frequentemente estão relacionados a estados de depressão, estresse ou ansiedade. Além do nutricionista, acompanhamento psicológico pode ajudar a livrar-se do vício. 


    Desmame

    Experimente uma técnica semelhante ao desmame: vá reduzindo o consumo compulsivo de alimentos aos poucos, até chegar ao limite saudável. 


    Escolha esperta

    Faça substituições por alimentos que agradem ao seu paladar. Exemplo: troque o chocolate por uma fruta bem doce, que você goste muito. 




    Peça a opção "P"

    Escolha e coma sempre a menor porção. Aos poucos, você se surpreenderá ao saber que não precisava de tanta comida para viver. 7



    Mantenha o controle

    Afaste-se da tentação. Não tenha o alimento sempre à mão, nem em casa nem no trabalho.







    Refrigerante

    A compulsão por refrigerante está relacionada à sensação de frescor e - no caso dos normais - ao excesso de açúcar. Já os refris de cola (normais e zero) possuem cafeína, substância que pode causar dependência. Limite saudável: substitua o refrigerante por sucos, chás e água. Deixe-os só para festas.