Pular para o conteúdo principal

preguiça no inverno

Inverno

6 passos para acabar com a preguiça no inverno

Mande a preguiça para longe! Descubra como atitudes simples podem ajudar você a enfrentar o inverno com energia e disposição de sobra



Com a chegada do frio, fica cada vez mais difícil deixar as cobertas quando o despertador toca. Falta disposição e sobram preguiça, desânimo e até mau humor. "No frio, como escurece mais cedo, a produção de melatonina, o hormônio que regula o sono, é maior, o que dá mais sonolência", explica a psicóloga Daniela Souza Pereira. Mas o modo como você encara os dias mais frios também pode influenciar seu humor. "Se você acha que não vai conseguir fazer algo por conta do frio, a tendência é ficar cada vez mais isolada e desanimada", completa a especialista. Atitudes bem simples, porém, ajudam você a enfrentar esta estação com energia e bom humor. Curtir o sofá um pouquinho é gostoso, mas tem muita coisa boa para você viver neste inverno. Aproveite!


1 - Comece bem o dia

Antes de se levantar da cama, espreguice-se muuuito. "Assim, você sinaliza ao corpo que é hora de iniciar o dia", diz Daniela. E, se ao olhar pela janela, vir um céu cinzento, não desanime. Ter uma postura positiva é importante, mas melhor ainda é ter pensamentos realistas. "Pensar que o dia vai ser proveitoso melhora o humor e isso ajuda você a realizar as tarefas diárias", completa a psicóloga.


2 - Vença a preguiça e mexa-se

Pode parecer mais difícil no frio, mas basta dar alguns passos e começar a se exercitar para sentir o bem que isso faz ao corpo e à alma. "Quando se faz exercício, o corpo libera endorfina, hormônio que dá sensação de bem-estar e calma", diz o personal trainer Adriano Cunha. Ou seja: tchau, mau humor! Você fica mais magra e feliz. Bora lá pra academia!


3 - Busque energia ao ar livre

Sair de casa e tomar aquele sol gostoso ajuda a manter o desânimo bem longe. "Ao tomar sol, ocorre a produção de serotonina, neurotransmissor responsável pela sensação de bem-estar, entre outras substâncias", diz Daniela. "Atividades ao ar livre como caminhar e pedalar são ótimas para espantar o frio", lembra Cunha. Chame uma amiga!


4 - Encontre-se com os amigos

Nada de ficar em casa sozinha, garota! "Quanto mais isolada a pessoa fica, a tendência é que ela tenha menos ânimo para sair e conversar. É um ciclo vicioso", diz Daniela. Marcar uma reunião com as amigas pode ser uma boa oportunidade para colocar as fofocas em dia. Não há nada melhor que o calor humano!


5 - Resista às tentações

É verdade que no frio a fome aumenta, especialmente por doces e comidas gordurosas. Mas lembre-se: depois do frio, chega o calor e ninguém vai querer estar fora de forma, certo? Você não está proibida de comer um bombom, mas o segredo é ter bom senso! E hidrate-se muito. "A água mantém o corpo hidratado e minimiza o desconforto para respirar se o ar estiver seco", diz Cunha.


6 - Vai mesmo ficar em casa?

Não precisa ficar largada no sofá. Que tal aproveitar para organizar o armário? "Se a arrumação não for encarada como obrigação, dá a sensação de que o dia foi proveitoso", diz a psicóloga. Não deixe o desânimo vencer
!

Postagens mais visitadas deste blog

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS

DESENHO DE BONECAS-MENINAS-IMAGENS-





























































atores (delícias!)

CELEBRIDADES
Descamisados: atores (delícias!) tiram a camisa em nome de seus personagens no cinema
Rodrigo Santoro Claro que não poderia faltar uma beleza nacional, pois não só de tanquinhos gringos é feito o cinema. Rodrigo encantou a mulherada (e Cameron Diaz) no filme "As Panteras Detonando".

Kellan Lutz
Ele é mais que um rostinho bonito. É também um corpaço lindo. Essa outra delícia da saga "Crepúsculo" tira a camisa em cenas do longa épico "Imortais". E aguardem que vem mais por ai! Em 2014 ele será a estrela de "Hércules".











Justin Timberlake Com mais fama de bom moço do que de gostosão, no filme "Amizade Colorida" Justin mostra que pode arrancar mais que boas risadas de Mila Kunis. Com o torso bem definido, a gente não duvida!
















poemas-frases-pensamentos-Síndrome do Pânico

poemas-frases-pensamentos
Síndrome do Pânico

Vamos, não chores.
A infância está perdida.
A mocidade está perdida.
Mas a vida não se perdeu.

O primeiro amor passou.
O segundo amor passou.
O terceiro amor passou.
Mas o coração continua.

Perdeste o melhor amigo.
Não tentaste qualquer viagem.
Não possuis carro, navio, terra.
Mas tens um cão.

Algumas palavras duras,
em voz mansa, te golpearam.
Nunca, nunca cicatrizam.
Mas, e o humor?

A injustiça não se resolve.
À sombra do mundo errado
murmuraste um protesto tímido.
Mas virão outros.

Tudo somado, devias
precipitar-te, de vez, nas águas.
Estás nu na areia, no vento...
Dorme, meu filho.

Carlos Drummond de Andrade

(Via Geraldo Magno)